Chamados para servir

Maravilhosa Graça
25 de abril de 2018
Maternidade, um presente de Deus
10 de maio de 2018

“Mas entre vós não é assim; pelo contrário, quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos sirva” – Mc 10.43

Essa foi a afirmação de Jesus diante do pedido feito por Tiago e João (“Permite-nos que na tua glória, nos assentemos um à tua direita e o outro à tua esquerda.”) e que provocou indignação nos outros dez apóstolos.

Somos, de um modo geral, muito egocêntricos. Gostamos de estar na melhor posição de ser servidos, e também somos, muitas vezes, pouco prestativos. Infelizmente isso é “normal” tendo em vista que somos pecadores e, como tais, temos a tendência de olhar sempre para nós em primeiro lugar, depois vem o outro.

A afirmação de Jesus vem nos ensinar justamente o contrário. O Reino de Deus é um reino de serviço. Fomos chamados para servir e não para ser servidos, e a razão para isso é simples e lógica. Somos seguidores de Cristo e “…o próprio Filho do homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos” (Mc 10.45).

Quão difícil é colocar em prática a ordem do Senhor! Quão difícil é ser altruísta! Mas é isso que devemos buscar. Paulo exorta aos Coríntios escrevendo: “Ninguém busque o seu próprio interesse e sim o de outrem” (1Co 10.24).

Como precisamos ouvir essa ordem em nossos dias. Nossa sociedade diariamente nos impõe esse padrão de que devemos sempre nos dar bem. Haja vista a famosa frase: “Brasileiro gosta de levar vantagem em tudo” que ficou conhecida como “Lei de Gerson”. Gerson, jogador tricampeão mundial de futebol emprestou sua imagem para uma propaganda de cigarros em meados da década de 70, e a sua frase acabou por fazer parte da “cultura” brasileira.

Como Igreja do Senhor, devemos andar na contramão dessa cultura egoísta e seguir o exemplo do nosso Senhor e Salvador, que se entregou por nós, sabendo que o nosso serviço redundará na glória de Deus. Foi isto que Jesus afirmou aos discípulos: “Assim brilhe também a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai que está nos céus” (Mt 5.16).

Se fomos chamados para servir, sirvamos de coração “considerando cada um os outros superiores a si mesmo” (Fp 2.3b).

Deus nos abençoe!

Pr. Milton Jr.

Milton C. J. Junior
Milton C. J. Junior
Graduado em Teologia pelo Seminário Teológico Presbiteriano "Rev. José Manoel da Conceição" e pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Especialista em aconselhamento bíblico pelo Seminário Palavra da Vida. Pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil desde 2002, servindo à Igreja Presbiteriana da Praia do Canto desde 2007.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − cinco =